É DE ESPERA QUE A VIDA SE CONSTRÓI

(Padre Jeferson Luis Leme)

jesus-natal

Queridos irmãos e irmãs do nosso blog, é com gratidão que me dirijo a vocês que estão se preparando para a maior festa dos cristãos. Celebrar o Natal.  A vida é uma espera. Esperamos muito tempo para sermos o que somos hoje e talvez ainda não nos demos como satisfeitos. Espera e desejo são como mutações da vida. A verdade mais profunda do ser humano, é que somos um ser de desejos. Temos desejos de tantas coisa. O desejo renasce a cada buraco preenchido e, de busca em busca, seremos impulsionados para o termo de nossas vidas, quando ainda insaciados e sem ter encontrado neste mundo o que buscávamos, nos projetamos para o infinito, onde esperamos por algo que sacie a sede de uma vida.

Advento é tempo de situar o desejo humano no horizonte de Deus. É tempo de expectativa pelas “coisas do alto”, onde se pode verdadeiramente saciar a sede da existência, bebendo água da fonte. O “desejado” que no Natal se aproxima já se insinua no próprio ato de espera, ou no desejo que lateja. Esse período é a imagem simbílico-temporal da vida humana, orientada para uma realidade que vem se aproximando à medida que rumamos para ela com nossos pequenos esforços, nossas labutas, nossos clamores. É Natal!!!!

O natal é a festividade do nascimento de Jesus, isto é, uma ocasião privilegiada para celebrar e amadurecer na fé e na vida. Infelizmente, preocupados com tantos afazeres do dia a dia, esquecemos o significado do que celebramos. Na verdade celebramos a boa notícia do nascimento do Salvador.

Natal é celebrar a gratuidade. Jesus se fez um de nós por iniciativa própria, por isso, somos chamados a imitá-lo, aprendendo a servir gratuitamente, sempre que possível, não caindo na “falsa solidariedade”. Natal é celebrar a generosidade. Sem que pedíssemos, Jesus veio ao nosso encontro. Somos convidados a imitá-lo aprendendo a agir em favor de todos, e não apenas em proveito próprio. Natal é celebrar a vida. O Filho fez-se um de nós, devolvendo-nos a vida que havíamos perdido pelo pecado. Em Jesus temos a vida em plenitude pelo seu nascimento. Somo chamado a imitá-lo, promovendo e defendendo a vida, desde sua origem até o seu fim natural. Natal é celebrar a misericórdia. Jesus, através de seu nascimento, abriu-nos o coração misericordioso de Deus. Nele encontramos acolhida, conforto e esperança. Hoje somos chamados a imitá-lo, praticando o bem a todas as pessoas, sem exceção.

Natal é celebrar a alegria. No seu nascimento, Jesus trouxe-nos a alegria de sermos filhos e filhas de Deus. Dele recebemos um pai, que é Deus. Sendo filhos e filhas de Deus, devemos aprender a viver com alegria a nossa fé. Natal é celebrar a conversão. O Filho fez-se um de nós, chamando a todos para abandonar o mal e escolher o bem. Ao trocar de vida, trocamos de caminho, fazendo em tudo a vontade de Deus. Hoje somos chamados a imitá-lo, convertendo-nos diariamente, até o nosso encontro definitivo com Ele que é o maior desejo do ser humano. Natal é celebrar a luz. No seu nascimento, Jesus iluminou a humanidade a partir de Israel, o povo da Aliança. As trevas foram vencidas pelo esplendor do menino Deus. Devemos imitá-lo iluminando e transformando, com nosso testemunho, a injustiça em justiça, o desamor em amor. Natal é celebrar a . Jesus nasceu apontando-nos a fé como caminho terreno para o encontro com Deus. Quanto maior a fé, maior a presença e a comunhão com Ele. Hoje somos chamados a imitá-lo, amadurecendo na crença e na adesão a Deus. Natal é celebrar a comunhão. O Filho fez-se um de nós, comungando conosco sua divindade e assumindo a nossa humanidade, fragilizada pelo pecado. Hoje somos chamados a imitá-lo, estando em comunhão permanente com Deus e com o próximo. Por fim Natal é celebrar o amor. Jesus nasceu em Belém como expressão máxima e íntima da presença divina para a humanidade. Portanto, somos chamados a imitá-lo, amortizando todo o nosso relacionamentos, a começar pelas nossas famílias.

Como será o seu Natal neste ano? O menino Jesus encontrará lugar e abrigo em seu coração e em sua família? O seu Natal será de fato cristão, isto é, terá Jesus Cristo com o centro da festa? Alegria, paz, acolhida e perdão farão parte dos presente e ingredientes para o Natal que você oferecerá às pessoas, especialmente à sua família e comunidade?

Que o menino Jesus possa nascer nos corações. Que haja paz, alegria e harmonia na vida de todos nós. Desejo a todos um Feliz e Santo Natal. E que 2014 seja abençoado e agraciado por Deus!!!!

(Nota do editor do blog: Esse texto expressa a ideia de seu autor)

Escreva aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s